sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Atiradinhas, "SUELENS" da vida real partem para o ataque na noite carioca

Frequentadores das noites cariocas estão acostumados a cada vez mais encontrar meninas de atitude que gostam de chamar a atenção. Assim como Suelen, da novela Avenida Brasil, as “periguetes” usam roupas que valorizam o corpo e estão sempre preparadas para fisgar os pretendentes. Seja no subúrbio ou na zona sul, o lema das meninas, que não tem vergonha de serem confundidas com Suelen, é ter muita personalidade.

Um dos mandamentos da classe é jamais curtir uma casa de show "na pista". Para Daniele Alves, de 19 anos, moradora da zona oeste, um “camarote-amigo” é indispensável.

— O homem não precisa ser bonito. Basta ter dinheiro para me dar uma condição melhor na noite. Afinal, beleza acaba. Costumo ficar em camarotes de jogadores de futebol, pagodeiros e atores.

Além das roupas coladinhas, o uniforme obrigatório das "Suelens" cariocas são vestido curto e salto alto, independente do horário e da ocasião. As meninas não se importam em sentir frio e até preferem o vento gelado a looks comportados. Para Lorrayne Furtado, de 20 anos, as mulheres devem mostrar o que têm de melhor.

— Como já diziam desde antigamente, o que é bonito é para ser mostrado. Depois, cai tudo! Para mim, o que não pode faltar nunca é a plateia, pois nasci para ser vista e lembrada.

De acordo com Lorrayne, na hora da paquera, partir para o ataque é a melhor opção. Elas são rápidas no gatilho e não mandam recado. Se têm um alvo, fazem acontecer.

Para cuidar do corpo, elas dedicam boa parte do tempo à malhação e clínicas de estética. A aparência é a melhor arma para ganhar “audiência” na balada, ainda que seja no papel de subcelebridade. Durante a semana, muitas trabalham, mas não abrem mão de um convite com pacote completo, que inclui entrada grátis, camarote e bebida liberada.

Os locais preferidos das moças são casas de show na Barra da Tijuca, zona oeste, e Baixada Fluminense. Os homens que querem cair nas garras dessas mulheres ousadas podem procurar em boates como São Nunca, Rei do Bacalhau e Via Show.

MORRE FÉLIX ex-goleiro campeão mundial da copa de 70

Com enfisema pulmonar, ex-jogador falece aos 74 anos em virtude de problemas respiratórios. Velório ainda está sem horário e local definidos

Quando se fala na galáctica Seleção tricampeã do mundo de 1970, lembra-se logo dos medalhões. Os gols e os não gols antológicos de Pelé, os lançamentos milimétricos de Gerson, a inteligência de Tostão, a explosão de Jairzinho, a patada atômica de Rivellino, a liderança de Carlos Alberto Torres... Mas uma personagem, em especial, também deu sua grande contribuição pelo título: o goleiro Félix, chamado carinhosamente de Papel, tal era magro e leve para dar os voos rasantes rumo às pontes salvadoras. E na manhã desta sexta-feira o futebol brasileiro ficou mais triste com a morte do ídolo brasileiro e do Fluminense, aos 74 anos. 

Félix sofria de enfisema pulmonar e estava internado no Hospital Vittoria, no Jardim Anália Franco, na Zona Leste, em São Paulo. O ex-goleiro faleceu em decorrência de várias paradas cardiorrespiratórias. Muito abatida, a família ainda não definiu o horário e o local do velório.

Nascido em Caratinga, em Minas Gerais, Félix Miéli Venerando iniciou a carreira no futebol paulista. Defendeu o Nacional AC, da capital paulista, o Juventus e, logo em seguida, a Portuguesa. No entanto, foi no Rio de Janeiro que o goleiro viveu seu auge. Félix defendeu o Fluminense entre 1968 e 1976, quando se aposentou.

Cinco grandes nomes da MÚSICA MARANHENSE reúnem sucessos em CD

Cinco grandes nomes da música maranhense reuniram seus maiores sucessos em um único CD para celebrar os 400 anos de São Luis. Eles pretendem gravar também um DVD e divulgar a música maranhense no sul e sudeste do país.

A5 é o nome do projeto que reúne, pela primeira vez, grande cinco vozes da música maranhense: Chiquinho França, Carlinhos Veloz, Erasmo Dibell, Mano Borges e Beto Pereira. Cada um escolheu quatro grandes sucessos da carreira para reunir no CD. “Pensamos em reunir as canções que fizeram sucesso nas vozes de cada um de nós, então fizemos essa coletânea homenageando os 400 anos de São Luís, cidade que nós temos como inspiração”, conta Mano Borges.

No repertório estão 20 músicas consagradas pelo público como "Ilha Bela" de Carlos Veloz, "Fissura" de Chiquinho França, "Você é Tudo" de Mano Borges, "Filhos da Precisão" de Erasmo Dibell e "Ana e a Lua" de Beto Pereira. “Somos parceiros, mas cada um tem sua história, o seu sucesso, então reunimos tudo isso para mostrar um pouco da qualidade da música produzida no Maranhão por esse país afora”, diz Beto Pereira.

A paixão por São Luís está nas letras das músicas e no coração desses cantores e compositores maranhenses. Dois deles, apesar de não terem nascido na capital maranhense, adotaram a cidade como terra natal. Erasmo Dibell e Carlinhos Veloz dizem nutrir, com muita felicidade, uma amor eterno a São Luís.

O CD será lançado no dia 1º de setembro, no show São Luís 400 anos, a ser realizado na Lagoa da Jansen. O espetáculo terá, ainda, a Tribo de Jah e Gilberto Gil. Segundo os artistas, a homenagem à cidade irá continuar com a gravação de um DVD para divulgar com mais força a música maranhense no sul e sudeste o país.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

EM CODÓ-MA FORAM ENTREGUES MIL CASAS - Veja as Fotos abaixo

O Blog esteve em Codó-Ma, nessa manhã do dia 23.08 (quinta-feira) e na oportunidade aproveitou e fez uma visita ao loteamento Santa Rita onde foram construídas mil casas pelo prefeito Zito Rolim. Enquanto isso em PEDREIRAS, nos últimos 8 anos infelizmente nenhuma casa foi construída. 

Programa Minha Casa, Minha Vida, no município de Codó, promovido pela Caixa Econômica Federal em parceria com o Governo do Estado e Município.

São mil moradias que foram construídas no Loteamento Santa Rita de Cássia, um investimento de R$ 36.692.794,00 do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, que estão dando dignidade e melhores condições de vida para quem ainda não tem um imóvel. 

O Prefeito Zito Rolim teve a iniciativa de construir na área uma creche, uma escola, uma quadra de esportes e um posto de saúde. “As famílias vão receber moradias dignas, com toda infraestrutura necessária, além de equipamentos essenciais para educação e saúde”, destacou o prefeito 

"A construção de outras mil unidades já está em andamento acelerado”. A expectativa do prefeito é de reduzir em 20% o déficit habitacional no município. 

Veja as fotos
  
  
  
  
  
  
  
  
  
  
  
  

Reginaldo Rossi encontra Pattinson nos EUA e canta: "hoje é o dia do corno, foi bom te encontrar"

Rossi cantou música de corno para Pattinson no aeroporto internacional de Los Angeles

Quem esteve recentemente nos Estados Unidos, no Estado da Califórnia, foi o cantor Reginaldo Rossi, que coincidentemente se encontrou, no Aeroporto Internacional de Los Angeles, com o ator Robert Pattinson, o Edward de Crepusculo, que recentemente foi traído por Kristen Stewart, a Bela, e passou a possuir chifres que brilham. 

Rossi não perdeu a oportunidade ao se encontrar com Pattison e cantou alto: “Hoje é o dia do corno, foi bom te encontrar, vamos tomar um bom porre, pra comemorar”, e convidou o ator a beber cachaça brasileira, dizendo que a referida bebida é tiro e queda no quesito esquecer os chifres. 

"Hoje é um dia pra gente jamais esquecer , vamos unir nossas dores, chorar e beber", continuou Reginaldo Rossi. 

Com cara de triste, Robert não deu muita atenção e embarcou em um voo para a Costa Rica, onde irá descansar com o amigo Leonardo Di Caprio e tentar escrever a Bela cruel.

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

CAPINZAL DO NORTE: A candidatura de 'Arnaldo Bezerra' continua Indeferida

Arnaldo Bezerra continua fora do páreo
A situação política eleitoral do ex-presidente da Câmara de Vereadores de Capinzal do Norte e candidato a prefeito pelo PMDB, Arnaldo Bezerra, é no mínimo delicada. 

Arnaldo enquanto presidente do legislativo de Capinzal do Norte teve suas contas desaprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão tanto em 2005 como em 2006.

Por essa desaprovação, o Ministério Público Eleitoral e a coligação “Capinzal Rumo ao Futuro” que tem como candidato a prefeito Roberval Campelo (DEM), impugnaram a candidatura de Arnaldo Bezerra.

Em virtude da impugnação a candidatura de Arnaldo Bezerra foi indeferida pelo juiz da 48ª Zona Eleitoral, Thales Ribeiro de Andrade. No entanto, apesar da situação parecer irreversível, Arnaldo recorreu da decisão ao Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão.

Até aí tudo bem, pois é um direito do candidato recorrer a instância superior, mas o curioso é que correligionários políticos de Arnaldo Bezerra estariam comemorando antecipadamente uma decisão do TRE-MA, que só deve julgar o processo na quinta-feira (23).

O relator do processo é o competente juiz Sérgio Muniz. O Blog teve a informação que o parecer do procurador eleitoral também foi pelo indeferimento da candidatura. Sendo assim, fica a pergunta: o que tanto comemoram em Capinzal do Norte os aliados políticos de Arnaldo Bezerra?

terça-feira, 21 de agosto de 2012

CONVITE para Carreata do Vereador ZEZINHO DO AMOR - 11.111 (Veja o Vídeo)

CONVITE

O candidato a vereador ZEZINHO DO AMOR número 11111 - convida os amigos Pedreirenses para se fazerem presente em sua grande CARREATA que será realizada dia 25.08 (sábado) a partir das 16:00 com concentração na SORVETERIA - O SABÁ, próximo ao Estádio Pilizão. Vote ZEZINHO DO AMOR número 11.111 – Juntos Venceremos
Veja o Vídeo

JOSÉ DOS SANTOS, filho de Dona Maria dos Santos, mais popularmente conhecido como ZEZINHO DO AMOR é uma figura de comando desta nau imaginária nascido em 06.08.1968 às margens do Rio Mearim em Pedreiras-MA, cidade onde o coração é quem nos governa, e a poesia é a nossa língua oficial. Como comerciante, grande prosador e de fala fácil, virou político de carteirinha, onde na última eleição para vereador recebeu 306 abraços de carinho dos amigos. Os sonhos é que fazem com que a vida seja mais interessante, e seu grande sonho é ser eleito a vereador de Pedreiras. Por conta dessa simpatia e alegria que ZEZINHO DO AMOR novamente coloca seu nome como candidato a vereador para as eleições de 07 de outubro deste ano. 

Veja o clipe da música do vereador 
ZEZINHO DO AMOR

CLARICE e o senso comum - por Zeca Baleiro

Redescoberta (e desvirtuada) pelas redes sociais, Clarice passou de hermética a simplória


Uma vez me vi numa discussão com um amigo inteligente, bem informado e amante do cinema (sim, pessoas assim existem). Ele comparava os geniais Jacques Tati e Charles Chaplin, tomando descarado partido do francês. Eu argumentava que Chaplin era maior porque mais abrangente etc., etc. Discussão inútil, como se vê. Tanto Tati como o pai de Carlitos foram dois gênios da raça indiscutíveis e incomparáveis, acima do bem, do mal e dos críticos de balcão de bar.

Clarice Lispector
Lembro-me do episódio e reflito sobre o senso comum. Na indústria da música há a expressão “crossover” para designar o feito de uma canção arrebatar o mundo – ouvintes de todas as classes sociais, origens, idades e tribos. E na literatura, há os célebres “best-sellers”, livros que vendem como água e se espalham como gringos por Copacabana no verão carioca.

Antes de tudo, faço uma distinção: nem todo best-seller é um livro de má qualidade, assim como nem todo artista difícil é um gênio. Van Gogh foi maldito e genial. Vendeu um único quadro em toda a vida. Morreu como um louco fracassado. Arthur Bispo do Rosário era louco e internode um hospício. Foi diagnosticado como esquizofrênico e foi um artista brilhante, criando uma arte ultraoriginal a partir de trapos e sucatas que via pela frente. 

Desnecessário dizer que nem todo esquizofrênico será um grande artista, assim como um grande artista, para sê-lo, não precisará ter uma patologia mental.

Sei que parecem primários todos esses argumentos, mas nunca é demais tocar nessas teclas. A aceitação de uma obra de arte a faz parecer menor aos olhos dos cultos e eruditos (ou arrogantes apenas). Assim como seu fracasso a faz parecer maiúscula aos olhos das 
Farc culturais (geralmente arrogantes também). Isso faz com que alguns artistas, legitimados pelo gosto médio, sejam julgados como menores do que realmente são.

Para não me estender demais, vou passear apenas pela seara dos poetas brasileiros, território que me interessa como poucos. O senso comum (mas não só) sempre alardeou que o maior poeta brasileiro de todos os tempos é Carlos Drummond de Andrade. Mesmo recitado como um parnasiano em festas de fim de ano, banalizado por e-mails com power points e camisetas de feira hippie, também concordo que Drummond é o maior e mais abrangente e mais permanente e mais intenso de todos os poetas desta terra, embora a poesia (e a arte em geral) não seja um esporte, e por isso não necessitaria de um ranking de “melhores”. Mas listas são uma das obsessões humanas e delas nem os poetas escapam. Sim, concordo, Drummond é “o maior”. Nem a secura agreste de João Cabral, nem o lirismo desbragado de Bandeira, nem o imaginário místico de Jorge de Lima, nem a poesia multifacetada de Murilo Mendes, nem a dicção violenta e densa de Gullar conseguem suplantá-lo. Mas nem Drummond em toda sua glória é unânime.

Alguns artistas são relegados a um plano menor só por serem acessíveis. Como se o fato de ser ininteligível fosse sinal de qualidade e grandeza. Cecília Meirelles, por exemplo, é uma poeta enorme, mas por ter ganho uma aura, digamos, “escolar”, por ser aceita, lida e “entendida”, sempre foi posta num patamar inferior pelos “entendidos”. Já Clarice Lispector, outra escritora imensa, tem aura misteriosa, profunda e filosófica, quase maldita, inalcançável. Mas não quero correr o risco de ser raso. Obviamente a escrita de Clarice é mais enigmática e cheia de signos e subtextos que a de Cecília, muito mais simples e despojada, ainda que rica. Mas os lugares que ambas ocupam num suposto ranking literário é emblemático disso que explanei acima. Quanto mais difícil, mais maldito. Quanto mais maldito, mais dotado de verniz estético. Quanto mais inteligível, menor. 

Agora, redescoberta (e desvirtuada) pelas redes sociais, campeã de textos fake no “Face”, Clarice passou de hermética a simplória, rainha da autoajuda, emissária do sentimentalismo mais rasteiro, sacerdotisa do óbvio. É, este mundo é mesmo cheio de ironias.

TRIZIDELA DO VALE: ACIONE E KARIÁDINE REALIZAM GRANDE PALESTRA DO 65 NO BAIRRO NOVA JERUZALÉM

Na noite de segunda feira, ainda em ritmo de festa depois da grande largada dada pela Mega carreata da Vitória, a Caravana de Acione e kariádine estiveram no bairro Nova Jerusalém para apresentar suas propostas e agradecer ao povo pela grande demonstração de apoio e carinho que tem dado à Coligação Juntas por uma Trizidela de Todos Nós

Um grande número de pessoas estiveram presentes para ouvir os planos das candidatas do 65, como sempre vem acontecendo o povo vibrou e aplaudiu com entusiasmo as candidatas durante seus discursos de planos para o desenvolvimento e melhores dias para Trizidela do Vale. 

Estavam presentes todos os candidatos a vereadores da Coligação, Ronaldo medicamentos, o Ex-prefeito Paulo Barros, Irmão Domingos e outros companheiros de luta que estão unidos na luta pela mudança. 

Acione e kariádine deram a largada para a corrida pela Prefeitura de Trizidela com a vantagem da vontade do povo que sabem o que é melhor para a cidade. A caravana da vitória sempre pensando na garantia de uma vida digna para o povo de Trizidela agradece a todos pela confiança em seu trabalho que é sério e verdadeiro. Com o 65 o futuro de Trizidela vale mais!!!! 

Valéria Araújo

Veja as Fotos


segunda-feira, 20 de agosto de 2012

SHOW DOS 400 ANOS DE SÃO LUÍS

São Luís terá grande celebração no mês de setembro com shows de: Roberto Carlos, Ivete Sangalo, Alcione, Zeca Pagodinho, Gilberto Gil, Zezé de Camargo e Luciano


Diversidade cultural na música vai marcar a celebração de aniversário 

Shows de Roberto Carlos, Gilberto Gil, Alcione e Ivete Sangalo são algumas das atrações que estão na programação comemorativa dos 400 anos de fundação da capital maranhense. 

A música boa permeará a cidade de São Luís durante a festa de comemoração dos 400 anos da fundação da cidade. Em seis dias de festa aberta ao público, todos na Lagoa da Jansen, cantores, bandas e orquestras homenagearão a passagem da data na capital maranhense. 

A programação do projeto Show para entrar para a História foi anunciada ontem pela governadora Roseana Sarney, em solenidade realizada no Palácio dos Leões. O show do cantor Roberto Carlos será o ponto alto da celebração.

Com fé na festa, o cantor Gilberto Gil, um dos compositores mais respeitados e gravados da música brasileira, abrirá a programação musical na comemoração dos 400 anos de São Luís. No primeiro dia de setembro, ele tocará acompanhado por sua banda em espaço montado na Lagoa da Jansen, próximo à Concha Acústica. O músico será seguido pela Tribo de Jah, que com seu reggae guerreiro, colocará os ludovicenses para dançar juntinhos em meio a um dos pontos turísticos da cidade.

Os apreciadores da música erudita poderão acompanhar a apresentação da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB), que trará seu corpo de músicos para interpretar melodias clássicas. Com patrocínio da Vale, a apresentação será no dia 6 de setembro. No mesmo dia, o cantor e percussionista Papete passeará pela sonoridade dos ritmos maranhenses, que marcam seus espetáculos.

O Rei Roberto Carlos cantará na Ilha em pleno aniversário da cidade, no dia 8 de setembro. Ele levará os sucessos de sua carreira, como Cadilac, Por isso corro demais, Outra vez, Detalhes e outras, que já se associaram à história pessoal de milhões de pessoas. A apresentação do cantor ocorrerá às 19h.

Conhecida pelos micareteiros da Ilha, Ivete Sangalo fará show no dia 15 de setembro, em São Luís. Ela tocará no mesmo dia que Fabrícia, Bicho Terra e Pepê Júnior. Com sua voz límpida e potente, a cantora maranhense Rita Ribeiro cantará no mesmo dia em que a dupla sertaneja Zezé Di Camargo e Luciano, em 22 de setembro.

Para encerrar, a programação de festa, o samba de Alcione e Zeca Pagodinho será levado ao espaço. Eles prometem colocar a população para dançar na ponta dos pés. “Fizemos questão de trazer bons artistas nacionais, mas sobretudo de reconhecer o valor dos artistas maranhenses”, disse Roseana Sarney, no lançamento da programação.

Segurança – Para reforçar a segurança na Lagoa da Jansen durante os shows, o Governo do Estado iniciará os testes com o sistema de monitoramento por meio de câmera de vigilância, trabalho a ser administrado pela Secretaria de Estado de Segurança Pública. “Vamos dar mais segurança com a vigilância eletrônica, que se somará às nossas ações efetivas de combate ao crime em São Luís”, ressaltou a governadora ao garantir que toda a festa será conduzida com tranquilidade.

Além da programação de shows, o Governo do Estado investirá no lançamento de outras ações, como a inauguração do Museu da Língua Portuguesa, a reabertura da Casa do Maranhão, Virada Gospel, apresentação do Balé Bolshoi durante a 7ª Semana de Dança, e o Prêmio Literário IV Centenário, organizado em parceria com o Instituto Geia.

domingo, 19 de agosto de 2012

VIÚVA terá de dividir pensão do marido com a amante, decide juiz em GO

Mulher já dividia benefício com a filha que o marido teve fora do casamento. 
Amante apresentou fotos para provar relacionamento de 15 anos, em Goiás.

O juiz da 3ª Vara da Fazenda Pública de Goiás, Ary Queiroz, decidiu que uma viúva de um funcionário público do estado terá de dividir a pensão que recebe com a amante do falecido marido. A "outra" entrou na Justiça para ter direito ao benefício. Cabe recurso da decisão.

A amante apresentou fotos e documentos para provar a relação extraconjugal, que durou 15 anos e terminou em 1994, quando o funcionário público morreu. A reclamante também incluiu no processo o exame de DNA da filha que os dois tiveram juntos. Foram quatro anos de espera pela decisão.

A viúva já dividia o dinheiro com a filha, que o marido teve fora do casamento. Agora, o juiz determinou que a amante seja incluída no pagamento da pensão. Ele alegou que, apesar de não existir uma lei que reconheça claramente os direitos "da outra", ficou provada durante o processo a relação extraconjugal.

"Se fosse me atentar apenas ao que diz a lei, evidentemente eu negaria a pretensão, já que se trata de uma pessoa casada que conviveu com uma pessoa solteira. Mas, principalmente, pelo fato de estar demonstrado que durante essa convivência houve a dependência econômica. O homem casado pagava as despesas da mulher solteira com quem ele tinha um relacionamento público e duradouro, possivelmente escondido apenas da família", argumentou o juiz.

O advogado da amante, LeonardoLuiz Ferreira de Jesus, acredita que o tempo de relacionamento influenciou na decisão. Segundo ele, a cliente viajou depois que saiu a sentença. "Durante muito tempo ela buscou esse direito, mas até então não tinha amparo que reconhecesse esse direito dela", disse o defensor.

No Fórum de Goiânia, muita gente comentou a sentença. A advogada Valdete Morais classificou a decisão como "questionável" e "discutível". "Se tem decisão recente, a gente vai acatar, apesar de ter situações que a gente não vai concordar", disse a advogada.

O escrevente Adolfo Lessa também se posicionou contrário a divisão do benefíciO: "Pelo valor que a sociedade aplica a uma traição, eu não concordaria".

O valor da pensão não foi divulgado. A advogada da esposa disse que vai entrar com recurso
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...